Família feliz na floresta

ORIENTAÇÃO FAMILIAR

Justificativa:

Você já parou para pensar em quais estratégias tem utilizado e quais são os resultados que você tem obtido no manejo de uma situação relacionada a álcool e drogas?

Nem sempre dispomos de todos os recursos que necessitamos no momento em que precisamos. Existem situações específicas que exigem ações rápidas e eficazes. Quando a situação vivida por uma família foge ao controle e as estratégias (quando existem) não surtem mais os resultados esperados é momento de procurar ajuda de um especialista.

 

Mas afinal o que é Orientação Familiar?

A Orientação Familiar é uma conduta terapêutica que tem a finalidade de acolher, orientar e ofertar as informações necessárias para que a família saiba como melhor agir e se posicionar diante de um indivíduo que sofre de transtornos relacionados ao consumo de substâncias, estando ele em liberdade ou não (internado).

Direcionando as ações da família no sentido de suas necessidades, um especialista conseguirá construir junto aos envolvidos sentimentos de segurança e crenças de que é plenamente possível lidar de maneira positiva com o fato de que alguém deste núcleo familiar está consumindo álcool e/ou outras drogas.

Lidar de maneira positiva e aceitar o consumo de alguém são coisas totalmente diferentes. Lidar positivamente significa agir de maneira coerente, em respeito aos valores da sociedade, da própria família e em direção aos resultados esperados.

 

A quem se destina?

A orientação familiar é destinada a todas as pessoas que desejam compreender plenamente, aprender a lidar e manejar situações relacionadas ao consumo de substâncias em um núcleo familiar. Destina-se a pais, mães, filhos irmãos, maridos e esposas de dependentes químicos e/ou usuários de substâncias que desejam ou não parar de usar e que já estão ou não em tratamento.

 

Mas como?

Com encontros regulares, cumprimento de tarefas simples, leitura de livros e filmes relacionados ao tema as famílias assistidas conseguem em tempo bastante curto compreender quais são os recursos que devem construir ou já possuem e como utilizar estratégias de sucesso na prevenção e no manejo de situações críticas, caso ocorram.

Saber quando e como agir é uma grande liberdade. Estar apoiado por uma equipe de profissionais afeta ditetamente o processo como um todo e consequentemente nos resultados obtidos.

 

*Saiba tudo sobre a Orientação Familiar, agende uma entrevista!